sexta-feira, junho 16, 2006

Como se tornar um revolucionário

Por mais alternativo que vc se julgue ser, mais cedo ou mais tarde vc vai se tornar "quadrado" sem ao menos perceber.
Vejo isso com o meu neto e meu filho.
Acho tudo muito engraçado, rir da "desgraça" dos outros faz bem. Afinal, rir faz bem pra alma.


Meu filho que outrora fora rebelde, contestador e antimoralista aos olhos do meu neto é a imagem enantioforma de tal; eu acabei por me tornar um oráculo, acredite se quiser.

Mas enfim...
Vamos ao recheio do bolo...

"Como se tornar um revolucionário?"


Sem querer ser apocaliptico ou simplesmente rabugento, velho já sou.
A receita é tão simples quanto um receita de bolo.
Veja bem, eu disse simples e não fácil.

Basta aprender a pensar; por si só.
Não importa se vc faz parte dessa geração "fast food-cool-wireless-plug-in-global-multifuncional-materialista-consumista" assim como meu neto.

Pois mais cedo ou mais tarde... será o Sr. ou Sra Quadrado, Fidel Castro que o diga.
Não esteja nem a frente nem atrás do seu tempo, pois ser incompreendido é muito ruim.
Seja atemporal. Aprenda a pensar.

3 Comments:

At 10:23 PM, Anonymous fast food-cool-wireless-plug-in-global-multifuncional-materialista-consumista said...

AAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHH!!!

Tentei penxar e fikei cum uma terrivel dor di cabessa!!!


Seu velho!

 
At 11:33 PM, Blogger Willie The Pimp said...

É o destino.

Simplesmente inevitável...

Pobres são os incompreendidos, só os valorizam quando este já morreu. Heh, qual a graça?

 
At 11:52 PM, Anonymous indie pseudo-alternativo-e-intelectual chato pra caralho said...

Olhe o lado de ser incompreendido: você fica com um status de cult!

 

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home